Como o Toughbook consegue superar as expectativas até mesmo da Panasonic?


 

O Toughbook pode levar um tiro?

Sim! Em 2003, um Toughbook CF-M34 salvou a vida de um militar dos Estados Unidos. O soldado estava no Iraque quando levou um tiro. Ele estava carregava o Toughbook na mochila. A bala atingiu a mochila, atravessou a tela e o teclado do Toughbook, e se armazenou na caixa sólida de liga de magnésio, salvando sua vida. Como se isso não bastasse, o Toughbook continuou funcionando, menos a tela e o teclado, é claro!

O Toughbook resiste a um incêndio?

Sim! São muitos os relatou de Toughbook que resistiram a um incêndio em veículos. Um recente aconteceu com a Ambulância de St. James, em Missouri. Em fevereiro de 2011, a ambulância do distrito de St. James foi acionada para socorrer o acidente de um veículo. No caminho para o acidente eles tiveram alguns problemas mecânicos, que obrigou ao condutor a desviar para o outro lado da estrada. Neste momento eles notaram que havia um pequeno incêndio dentro do veículo. O fogo rapidamente  se alastrou para os compartimentos do motor e dos passageiros, onde estava o Toughbook CF-19.

Depois que o fogo foi totalmente apagado, um dos membros da tripulação pegou o Toughbook da ambulância. Ele ligou o computador depois de deixar a água escorrer e notou que o mesmo estava funcionando normalmente. “O exterior derreteu e o case quebrou em vários lugares, mas ele continuou funcionando”, disse Bryan Lambeth, bombeiro supervisor e paramédico da ambulância do distrito de St. James. E ele ainda completou: “Eu realmente não tinha grandes esperanças, mas quando bati meu dedo no botão de energia, ele começou a funcionar rapidamente.”

 

 

Did you like this? Share it:

Sem comentários »


Postado em: Todas as Indústrias

Toughbook fazendo a diferença no serviço público


A Southern California Edison precisava fornecer a 500 de seus técnicos uma solução de computação portátil. O objetivo era aumentar a produtividade e a satisfação dos clientes, aprimorando os cronogramas e reduzindo os serviços de manutenção.

No entanto, o hardware precisava resistir ao uso excessivo diário por uma equipe muito ativa e ter um visor que fosse fácil de ler, mesmo sob o forte sol da Califórnia.

Depois de comparar e testar os computadores robustecidos de várias empresas, a Southern California Edison decidiu que os computadores portáteis Toughbook eram os melhores para as suas necessidades.

Com o teclado resistente a respingos e a tela de toque grande e clara, o Toughbook forneceu às equipes de campo opções flexíveis de inserção de dados e alta mobilidade.

Isso resultou não apenas em ganhos de produtividade e aumento na satisfação dos clientes, mas a equipe de campo observou uma confiabilidade tão alta e índices de falhas tão baixos que agradeceu aos gerentes pela escolha de um computador portátil tão útil e confiável.

 

Did you like this? Share it:

Sem comentários »


Postado em: Todas as Indústrias

Toughbook chega à Paraíba pela PBGás


Os primeiros computadores Toughbook, equipamento fabricado pela Panasonic com resistência para várias situações adversas e tecnologia de última geração, já estão na Paraíba. O produto, que já é comercializado nos Estados Unidos há mais de 15 anos, ainda é novidade no Brasil, e a Paraíba foi o primeiro estado a adquirir os equipamentos com especificidades para utilização em empresas que exploram gás.

Segundo o gerente nacional da Panasonic no Brasil, João Alberto Simões, os equipamentos foram adquiridos pela Companhia Paraibana de Gás (PBGás). “Este equipamento possibilita que os técnicos que estejam trabalhando com algum tipo de instalação, realizando manutenção preventiva na rede oi realizando visitas a clientes, possam utilizar o computador que atenda a todas as expectativas técnicas da atividade, com segurança e também com resistência a possíveis adversidades”, ressaltou.

O executivo ressaltou que o Toughbook adquirido pela PBGás possui todas as especificações necessárias para a utilização em áreas restritas como nas regiões onde existem tubulações de gás. “Ao mesmo tempo o equipamento é resistente a líquidos, resiste a quedas e a variações de temperatura que vão de -50oC a 120oC. Além disso, a sesibilidade da tela de aordo com a luminosidade do ambiente”, enumerou.

O presidente da PBGás, Zenóbio Toscano, comentou que a aquisição foi importante para garantir a segurança dos funcionários e facilitar os trabalhos realizados na rede de gás. “Para realizar alguns trabalhos na rede de gás é preciso ter programas específicos no computador. Com estes computadores mais resistentes, os trabalhos podem ser realizados com mais segurança. Além disso, são equipamentos muito avançados”, comenta.

Uso do equipamento

O engenheiro Reniere Vilar é um dos uncionários que já fazem uso deste novo equipamento no seu trabalho cotidiano. Ele explica que o Toughbook é voltado para as equipes de manutenção das estações e das tubulações de gás da empresa.

O equipamento é o que melhor se adéqua às condições adversas encontradas durante as manutenções e operações realizadas pela PBGás. “Tanto nas estações de gás quanto nas suas tubulações, o equipamento é exposto a riscos com temperatura, líquidos, quedas… E estas situações poderiam comprometer o trabalho ou gerar a perda de informações relevantes”, destaca o engenheiro.

O Toughbook é mais recomendado para a utilização por indústrias ou profissionais que atuam nas áreas de segurança, primeiros socorros, engenharia, extração de minérios e exploração de combustíveis.

Fonte: Jornal da Paraíba

Did you like this? Share it:

Sem comentários »


Postado em: Todas as Indústrias

Toughbook ajuda na preservação global


A Panasonic Computer Solutions Company doou vários tablet conversíveis Toughbook para uso em campo pelos cientistas que trabalham no Wildlife Trust – a importante organização internacional que busca entender os vínculos entre ecossistema, animais selvagens e a saúde humana.

O Wildlife Trust é pioneiro no campo da medicina da conservação, um campo interdisciplinar emergente que estuda a relação entre a saúde humana e animal e as condições ambientais.

Atualmente, ele estuda o local em que o vírus da SARS apareceu pela primeira vez, mostrando uma conexão entre os morcegos e o agente patogênico que permitirá a previsão de futuros surtos.

“Aprendemos em campo que nem todo computador suporta as exigências da mobilidade. Vimos falhas de hardware, problemas de leitura na tela e vida insuficiente da bateria”, explica a Dra. Mary C. Pearl, presidente do Wildlife Trust.

“Nossos cientistas precisam se concentrar em realizar a pesquisa, não em administrar a tecnologia. Os notebooks Toughbook são perfeitos para nós”.

De volta à úmida caverna do morcego

O Dr. Luis F. Aguirre, do Centro de Biodiversidade e Genética da Bolívia, usa o seu notebook Toughbook para analisar registros de morcegos. Trabalhando no fundo de cavernas escuras e úmidas, o Dr. Aguirre aprecia o fato de que notebook é à prova d’água e lhe permite trabalhar por até 4 horas sem sair das cavernas.

“Simplesmente, é um computador excelente. Podemos ligá-lo nos detectores de morcegos (sistema ANABAT) e trabalhar por várias horas e também carregá-lo para vários lugares sem a necessidade de ter muito cuidado. Seu tamanho ajuda muito, ele cabe facilmente na mochila. A tela de toque também é muito útil e economiza tempo”.
 

Did you like this? Share it:

Sem comentários »


Postado em: Todas as Indústrias

Você se importa com o meio ambiente?


Além de serem os notebooks mais robustecidos e confiáveis do mercado, os Toughbooks® são mais seguros para o meio ambiente do que a maioria dos notebooks.

Com recursos como o design sem ventoinha em unidades selecionadas e a vida útil mais longa, os computadores portáteis Toughbook economizam energia e reduzem resíduos. Além disso, todos os modelos Toughbook cumprem os padrões rigorosos do ENERGY STAR, o certificado voluntário do Ministério da Energia dos EUA para produtos que tenham eficiência em energia.

Economia de energia

Os computadores portáteis Toughbook usam menos energia porque são instalados com os chips Intel de tensão baixa ou ultrabaixa. Os chips de tensão ultrabaixa da Intel consomem no máximo 5,5 watts de energia, permitindo que a Panasonic crie notebooks selecionados sem ventoinhas de refrigeração.

Esse design sem ventoinha economiza energia, enquanto protege contra entrada de água e de poeira. O design também reduz o peso e o ruído, além de eliminar pontos de falha.

Outros atributos do Toughbook que reduzem o consumo de energia incluem:

  • Recursos de gerenciamento de energia, tais como hibernação e ACPI BIOS
  • Tecnologia de LCD de última geração, que fornece uma visibilidade superior sob a luz solar enquanto minimiza o consumo de energia
  • Iluminação de fundo com LED (diodo emissor de luz) de alta eficiência em modelos selecionados, desenvolvida para operar com um mínimo de miliwatts
  • Controles de brilho altamente ajustáveis, que fazem a tela escurecer mantendo a alta capacidade de uso. Quanto mais escura a tela, menos energia é usada
  • Chaves liga/desliga que ativam/desativam os componentes sem fio de modo a reduzir o consumo de energia

Redução de lixo

Os notebooks Toughbook foram desenvolvidos com materiais mais resistentes do que outros computadores portáteis. Um exemplo é usar as ligas de magnésio corretamente ecológicas, que são leves e têm alta resistência à corrosão. Esses materiais combinam uma vida útil mais longa com menos lixo. Além disso, os computadores Toughbook possuem outros atributos que os tornam melhores para usar e mais seguros para o meio ambiente, incluindo baterias com vida mais longa e que requerem menos cargas. O computador ultraportátil U1 funciona durante 9 horas com uma única carga e muitos notebooks Toughbook são equipados com uma bateria que pode funcionar por sete horas entre as cargas.

 

Did you like this? Share it:

Sem comentários »


Postado em: Serviço de Campo

Eficácia e “desempenho estelar” marcam o Toughbook


Os inspetores da Divisão de aplicação de códigos de leis e edifícios perigosos da cidade de Sacramento, EUA, trabalham sob qualquer clima e horário, em temperaturas de 46 °C durante o dia ou em noites geladas.

Antes, os inspetores gastavam até uma hora e meia das suas manhãs classificando e programando as ordens de trabalho e planejando as rotas. No final do dia, eles voltavam ao escritório e passavam uma hora, ou mais, inserindo as informações dos formulários de papel no banco de dados da divisão.

Com a mudança para os computadores portáteis Toughbook, a eficiência aumentou imensamente.

Os notebooks robustecidos Toughbook com recursos sem fio permitem que os inspetores acessem as informações do escritório em tempo real enquanto estão em campo.

Usando as soluções Toughbook com a tela de toque visível à luz do dia, a maior parte do trabalho – incluindo a inserção dos dados – é concluída com rapidez e precisão no próprio local.

Assim, resta pouco trabalho burocrático antes de ir para casa no final do dia. Jack McDonald, da Divisão de edifícios perigosos de Sacramento, afirma que a solução Toughbook “tem um desempenho estelar”.

 

Did you like this? Share it:

Sem comentários »


Postado em: Todas as Indústrias

Toughbook foi essencial no resgate dos 33 mineiros soterrados no Chile


Você se lembra dos mineiros que ficaram soterrados durante 69 dias a 700 metros de profundidade em uma mina de ouro e cobre no norte do Chile? A mina de San José, no deserto do Atacama, sofreu um desabamento em 5 de agosto de 2010, o que culminou no acidente.

Possivelmente o que você não se lembra é que a tecnologia do Toughbook foi fundamental para que o resgate destes homens fosse realizado com sucesso.

Após um levantamento de toda a situação, especialistas chegaram à conclusão de que precisariam de um computador portátil e robusto na parte inferior da cápsula Phoenix, entre os pés dos mineiros, para utilizar o sucesso da operação. No entanto, a mina era muito barrenta, úmida e molhada, por isso o computador precisaria ser pequeno, mas totalmente robusto, capaz de resistir a chutes, pisões e quedas. O Toughbook U1 foi identificado como o dispositivo ideal.

Em 13 de outubro de 2010, após de inúmeras verificações de segurança e ensaios na cápsula Phoenix, o mineiro Florencio Avalos foi puxado para a superfície, seguido pelos demais mineiros. Um médico foi capaz de ler os sinais vitais por meio do Toughbook U1 e dar aos mineiros os cuidados necessários de forma imediata.

Menos de 24 horas depois de o primeiro mineiro ser resgatado, o último, Luis Ursa, foi retirado com segurança da mina, uma resolução de sucesso para uma operação de resgate extremamente desafiadora. A tecnologia utilizada na missão de resgate precisou ser projetada para resistir à condições adversas encontradas na mina de cobre de San Jose, e os computadores Toughbook foram uma escolha natural.

Nesta semana, uma funcionária do Museu de Ciências de Londres entrou cápsula Phoenix, a mesma usada para resgatar os 33 mineiros, que fica exposta no local até maio.

Did you like this? Share it:

Sem comentários »


Postado em: Governo Federal, Todas as Indústrias

Nissan conquista aumento na produtividade e nos lucros com Toughbook


Para aumentar a produtividade e melhorar o atendimento ao cliente, a Nissan precisava substituir seus sistemas de computadores obsoletos por uma solução portátil de diagnóstico por computador. Essa nova solução precisava ser altamente confiável e robustecida para resistir à sujeira e à poeira das estações de manutenção.

A Nissan concluiu que os computadores portáteis Toughbook eram os que melhor atenderiam à sua vasta rede mundial de distribuidores.

Takamitsu Eto, gerente do departamento de engenharia de serviços globais, observou: “A durabilidade é um fator crítico para qualquer notebook considerado para uma implantação na estação de manutenção” e “a nova solução Toughbook oferece a confiabilidade e a flexibilidade de que precisamos”.

Os notebooks robustecidos resistem ao ambiente difícil das estações de manutenção e o recurso sem fio avançado permite que os técnicos acessem rapidamente as informações técnicas, de garantia e do veículo. Esses benefícios levaram ao aumento na produtividade, nos lucros e na fidelidade do cliente à Nissan.

 

Did you like this? Share it:

Sem comentários »


Postado em: Todas as Indústrias

Programa Toughbook apóia o Japão desde o terremoto de março


Desde o grande terremoto que atingiu o Japão em Março de 2011, o Grupo Panasonic tem trabalhado fortemente dando suporte na rápida recuperação de pessoas e áreas afetadas. Por exemplo, como relato, a companhia anunciou:

• Suporte monetário de 300 milhões ienes, 10 mil rádios, 10 mil lanternas e 500 mil baterias, um dia depois do terremoto.
• Doação de 4 mil unidades de lanternas solares de LED para as áreas que sofrem quedas de energia.
• Suporte de uma unidade no contêiner “Life Innovation”.
• Doação de 4 milhões de ienes, incluindo doação de empresas filiadas di grupo no exterior e 100 milhões de ienes da Associação dos trabalhadores do Grupo Panasonic.

Contudo, as atividades da Panasonic que ajudaram a recuperar o Japão ainda não acabaram. A AVC Networks Company, responsável pelos famosos laptop robustecidos, recentemente estabeleceu o Programa Toughbook para atender as áreas afetadas pelo desastre emprestando os computadores portáteis para ONGs e organizações sem fins lucrativos que trabalham nas regiões destruídas.

Neste caso, vinte unidades do Toughbook CF-19 podem ser usados em ambientes extremos e cerca de 900 unidades do Notemos CF-T5 são emprestados para as áreas devastadas.

Além de emprestar os laptops, a Panasonic também fornece serviços de consultoria sobre como usar computadores pessoais, serviços de reparação e apoio às atividades de socorro, fazendo jus ao nome do Toughbook, um dos computadores portáteis mais robustecidos.

Did you like this? Share it:

Sem comentários »


Postado em: Serviço de Campo, Todas as Indústrias

Toughbook Brasil e as mídias sociais


João Alberto Simões, gerente comercial das linhas de computadores robustos da Panasonic, Toughbook, convida a todos vocês a acompanhar os nossos canais nas mídias sociais.

Neles você encontra informações oficiais sobre tecnologia, sustentabilidade e nossos produtos.

  ______    ________   

Fique ligado!

 

 

 

 

Did you like this? Share it:

Sem comentários »

Tags: ,
Postado em: Mídias Sociais, Vídeos