Localizada no centro do estado americano da Califórnia, a cidade de Los Banos adotou a tecnologia Toughbook Arbitrator 360° da Panasonic em suas viaturas. A solução de vídeo é móvel e digital e permite o gerenciamento eficiente de comunicações e de evidências para o Departamento de Polícia local.

Imagens de vídeo se transformaram num componente crítico para o trabalho da polícia. De acordo com o Departamento de Justiça dos Estados Unidos, a grande maioria dos departamentos policiais e delegacias do país atualmente usam algum tipo de tecnologia de vídeo em seus carros.

A cidade já usava equipamentos de gravação de vídeo desde 2007, mas o custo de manutenção e as falhas do sistema começaram a torná-lo inviável. Além disso, as câmeras de vídeo estavam ultrapassadas, o que comprometia a qualidade das imagens coletadas.

O diretor de Tecnologia da Informação da cidade, Rick Spalding, passou a buscar uma nova solução de vídeo no ano passado. Ele entrou em contato com o DataSource Mobility da Panasonic Toughbook que recomendou a adoção do Arbitrator 360°. A Panasonic dispõe a linha Toughbook, a principal marca de notebooks robustecidos do mercado, em 150 países, inclusive o Brasil.

“Nós estamos muito a frente da solução original que usavamos e extremamente satisfeitos com a funcionalidade do Arbitrator”, disse Spalding. Ele explica que, quando foi ao mercado procurar uma solução de vídeo, sua necessidade era contar com um sistema que proporcionasse pesquisa de conteúdo, contasse com equipamentos confiáveis e duráveis, permitisse acesso ao banco de dados do DMV (departamento de veículos da cidade, que emite carteira de motorista) e tivesse capacidade de enviar mensagem e se comunicar com os policiais em missões de campo.

O departamento de TI de polícia de Los Banos escolheu o sistema Toughbook Arbitrator 360° e os laptops robustecidos Panasonic Toughbook 31, que funcionam como computador de bordo e servidor para a câmera nos carros de polícia, como a melhor solução para a cidade.

Com o novo sistema nas viaturas, os oficiais de polícia são capazes de acessar informação durante o trajeto, atender uma chamada e rever e pesquisar vídeos com evidências. O sistema de vigilância atende ainda a todas as exigências de direitos de custódia do país e ajudou na redução de processos litigiosos contra a cidade.

 

Did you like this? Share it:

Sem comentários »


Postado em: Histórias Toughbook, Serviço de Campo, Toughbook, Vídeos