Para garantir que os computadores robustecidos da Panasonic são capazes de lidar com mudanças agressivas de temperatura, a empresa faz com que todos os modelos da marca passem por uma bateria de testes de acordo com seu nível de robustez.

Os testes de Alta e Baixa Temperatura são conduzidos de acordo com o selo MIL-STD-810G e os métodos 501.5 e 502.5, que lidam com o armazenamento e operação da máquina.

Para o teste de Alta Temperatura,  Panasonic utiliza a marca de 60º C para quando o computador está em operação e 71ºC para os casos de armazenamento. Para o teste de Baixa Temperatura, o eletrônico é posto em operação a um ambiente de -29°C e -51ºC para os testes em que ele está em armazenamento.

Para serem considerados aprovados em ambos os testes, os computadores móveis da Panasonic precisam continuar funcionando durante o teste operacional, serem inicializados e continuarem a funcionar mesmo durante os testes não operacionais

O Teste de Choque Térmico é realizado de acordo com o MIL-STD-810G, Método 503.5, Procedimento I. A Panasonic determina a temperatura alta durante a não operação em cerca de 93°C e a baixa temperatura em cerca de -51ºCe são realizados três ciclos de mudança de temperatura, sempre do grau mais alto para o mais baixo.

Para ser aprovado, o aparelho robustecido precisa continuar inicializando e funcionando enquanto é exposto ao choque término de 93ºC para -51ºC.

Conclusão: não conhecemos nenhuma frase que defina melhor a excelência dos procedimentos de teste do que a desenvolvida por um dos analistas que conferiram a realização de cada etapa:

“É correto dizer que em situações de temperatura extrema, o usuário irá falhar antes dos notebooks Toughbook”.

Did you like this? Share it:

Sem comentários »

Tags: , ,
Postado em: Testes de resistência